7 DICAS PARA REDUZIR O CONSUMO DE ENERGIA EM CASA

Quer ser mais sustentável no dia a dia e reduzir o consumo de energia elétrica da sua casa, pagando menos na conta de luz?

Essas dicas são pra você! São 7 formas práticas de redução de consumo e inteligência sustentável na hora de agir diariamente! 

Prossiga com a leitura para conferir!

1 Desligue seus itens elétricos diariamente 

Sabia que uma das grandes fontes de consumo elétrico são os aparelhos eletrônicos “desligados”? 

Quando acionamos o botão do controle remoto, por exemplo, a TV desliga. Mas, na verdade, ela entra em uma espécie de Stand By, e podemos identificar este modo através daquela famosa luzinha colorida que indica que ela foi “desligada”. 

Pois, bem! Essa pequena luz está consumindo energia, e muita! Pense da seguinte maneira: qualquer luz acesa, por menor que seja, é uma fonte de consumo de energia elétrica que pode ser evitada. 

Então, para realmente desligar equipamentos, retire-os da tomada após o uso! Carregadores, televisões, computadores, fogões elétricos, micro-ondas, rádios e muitos outros equipamentos. 

Estima-se que a soma de todo este consumido equivale a cerca de 40% do seu consumo de energia elétrica! Então, deixe apenas os itens realmente essenciais, como geladeira, freezer (que também pode ter como consumido reduzido, o que você verá a seguir neste conteúdo) e afins. 

2 Cuidados com o Freezer e refrigeradores

Bom, conseguimos compreender que o freezer é um equipamento que não pode ser desligado toda noite, certo? Então, como diminuir o grande consumo deste equipamento? 

Separamos 3 técnicas para você: 

  1. A primeira é reduzir o volume de vezes que você abre e fecha. Quanto menos o equipamento for aberto, menos consumo ele precisará gerar para fazer seu trabalho. Pegue tudo que precisa de uma só vez e guarde tudo junto também. 
  2. Depois, é hora de trabalhar o degelo de maneira eficiente. Quanto mais gelo estiver dentro do equipamento, menor será o espaço para o ar frio circular, exigindo mais do equipamento. Então, faça um degelo a cada 15 dias, de preferência, mantendo a temperatura do equipamento sempre a necessária e reduzindo a intensidade do funcionamento. 
  3. Por fim, itens de consumo recorrente, como a água, sucos e afins, por exemplo, podem ficar fora da geladeira por longos períodos ainda mantendo sua temperatura. Encha o recipiente de água com gelo e mantenha-o fora do freezer/refrigerador até a necessidade de refil, consumindo a água gelada fora da geladeira. 

3 Ar condicionado 

Muitos imóveis e empresas apostam no ar condicionado, às vezes como um diferencial, como vemos em hotelaria, por exemplo. 

Mas, como permitir que este equipamento seja mais econômico e consuma menos energia elétrica? O ideal é operar em baixo consumo e em momentos específicos do dia. 

Ligue por um breve período de tempo, resfrie o ambiente e desligue o aparelho, permitindo mais um ciclo após a temperatura da sala voltar a esquentar. 

Este processo pode reduzir muito no volume de uso do equipamento e, consequentemente, abaixar o valor pago no fim do mês. 

4 Aposte em novas tecnologias de geração energética 

A Energia Solar fotovoltaica é limpa, renovável e pode fazer grandes impactos positivos nas suas contas de luz. Sabia que um equipamento solar pode reduzir em até 95% o valor da conta? 

O investimento pode ser um pouco salgado, embora existam modelos como a Geração Compartilhada, que pode reduzir até 15% o valor da conta e não exige obras nem investimentos para a compra de painéis solares. 

Essa é a tecnologia do presente: ganha forças a cada dia e seu caráter sustentável é um grande motivador para mergulhar em formas sustentáveis de gerar energia de qualidade para a população. 

Então, não perca tempo e confira a solução fotovoltaica que mais encaixa na sua situação atual e transforme sua maneira de gerar energia. 

5 Saiba usar a máquina de lavar, lava-louças e secadoras da forma correta 

Diferente do que se pensa, estes equipamentos podem sim ser econômicos e ter um consumo muito menor de energia elétrica e água. 

Encha a máquina de lavar louças ou roupa antes de ligar! Se você deseja apenas fazer meia máquina, selecione um modo de menor consumo de água ou de uma temperatura mais baixa. 

Se pretende lavar apenas alguns pratos e talheres, não use água quente. Agora, se a meta é secar poucas quantidades de roupa, evite usar a secadora. Em dias de sol, estenda-as no jardim, terraço e até mesmo no banheiro. Isso poupa bastante energia! 

6 Aposte no LED 

Lâmpadas, assim como tudo no mundo, se atualizaram para aumentar a qualidade. Isso é o caso dos LEDs: gera energia de qualidade com menos consumo e sem diferenças de temperatura. 

Lâmpadas fluorecentes e LED reduzem em até 60% o consumo de energia elétrica em comparação às lâmpadas incandescentes, além de não esquentar o ambiente. 

São milhares de opções excelentes, mesclando lindas opções estéticas para decoração sem abrir mão da qualidade nem economia. 

Além disso, vários eletrodomésticos já usam LEDS como fonte de luz, o que também reduz a energia gasta no dia a dia. Isso nos leva para o último tópico do nosso material! 

7 Confira o selo certificador de baixo consumo energético e/ou selo verde 

Todos os equipamentos eletrônicos possuem o selo certificador que indica o nível de consumo energético. como o selo PROCEL, por exemplo. 

Nesta tabela é possível identificar os equipamentos registrados de menor e maior eficiência energética, sendo um excelente parâmetro na hora de comprar. 

É sobre boa geração energética e sustentabilidade: e é feito para todos nós! Confira antes de comprar e certifique-se de escolher os produtos corretos para sua residência e/ou empresa. 

CONCLUSÃO 

Gostou das dicas? Aplique a partir de agora e veja a transformação das suas contas de energia elétrica acontecer! 

Quer ser ainda mais sustentável e ajudar o planeta a se reerguer cada dia mais? Com o ForestBank você ajuda a natureza ao mesmo tempo que recebe atendimento bancário de qualidade, tudo isso em uma conta 100% digital e gratuita!

Baixe o app e faça a conta direto pelo app, é rápido, seguro e você poderá apoiar diversos projetos socioambientais em prol de um mundo mais sustentável! 

Conheça mais sobre o ForestBank clicando aqui!

Deixe um comentário